Saúde
maio 26, 2013 postado por Blog do Cachorro


Rinite canina – O que você precisa saber?

A rinite canina é uma doença que irrita e inflama de forma crônica ou aguda a mucosa nasal. É uma doença que pode ser causada tanto por vírus como por bactérias, apesar de se manifestar frequentemente em decorrência de alergia, ou por reações ao pó, fumaça e outros agentes ambientais.

A inflamação decorrente da rinite resulta na produção excessiva de muco, gerado pelo acúmulo da histamina, o que ocasiona o escorrimento nasal, o sintoma mais comum da rinite. é uma inflamação da mucosa da cavidade nasal e /ou seios da face.

Os gatilhos que levam cachorros a desenvolver rinite podem ser muitos e você precisa ser capaz de identificá-los, para que o tratamento seja eficaz.
Rinite canina

Rinite canina- Tudo o que você precisa saber!

Os cães são afetados igualmente machos ou fêmeas independente de serem cães de raça pura ou mestiços, adultos ou filhotes.
Normalmente, quando ocorrem em cães mais velhos, existe a possibilidade da renite estar relacionada a tumores.

Os cachorros com focinho comprido são mais propensos a rinites que estão relacionadas com fungos.

A rinite canina pode ser:

Aguda: início súbito e curta duração;
Crônica: início lento e duração muito maior.

Rinite canina não é uma doença infecciosa ou contagiosa, mas, infelizmente, é muito comum.

As causas da rinite canina:

  1. Vírus ou bactérias;
  2. Parasitas ou fungos;
  3. Traumas na face;
  4. Corpos estranhos que não consigam ser expelidos;
  5. Alergias ou irritações;
  6. Doenças auto-imunes;
  7. Doenças dentárias;
  8. Pólipos ou fístulas;
  9. Câncer.

Os sintomas da rinite canina:

  1. Espirro com perda de muco do nariz ou, nos casos mais graves, sangue;
  2. Perda de apetite;
  3. Olhos lacrimejantes;
  4. Úlceras ou manchas ao redor das narinas;
  5. Rosto deformado;
  6. Halitose.

O diagnóstico da rinite canina será dado após fazer vários exames:

  1. Exame de sangue completo e análise de urina;
  2. Sorologia para fungos;
  3. Investigações sobre a coagulação do sangue;
  4. Rinoscopia e rinotomias (exploração cirúrgica);
  5. Citologia e biópsia;
  6. Ressonância magnética e exame de raio-X;
  7. Cultura das cavidades nasais.

O tratamento da rinite canina, irá variar de acordo com o problema de cada cachorro.

  1. A remoção da causa subjacente, se encontrado;
  2. Antibióticos e anti-inflamatórios;
  3. Pesticidas e antifúngico;
  4. Umidificação de ambientes;
  5. Cirurgia, se necessário.

Rinite canina – O que fazer?

Você deve levar seu cachorro periodicamente ao veterinário. Aparecendo algum destes sintomas, siga as orientações de um veterinário de sua confiança, o diagnóstico precoce da rinite canina, como de qualquer doença em seu cachorro pode fazer uma grande diferença no resultado positivo do tratamento.

Saiba + Sobre Rinite Canina

Clínica Veterinária Vet Vida Dra Andreia Fragoso

Saiba + Sobre Rinite Canina

Como o kefir pode ajudar seu cão?

Gripe canina – Tosse dos Canis

Fungos em cachorro – Tratamentos caseiros

Pneumonia em cães

Tipos de vacinas para cachorro

 

Veja também no Blog do Cachorro:


Comentários

Colunista

O Blog do Cachorro é um web site onde você pode encontrar tudo sobre cachorros! Se você busca por informações, dicas, artigos sobre cuidados, saúde, comportamento canino, raças de cachorros, e demais assuntos relacionados aos nossos queridos peludos de quatro patas, este é o lugar certo.

Ver artigos de Blog do Cachorro