Filhote
março 23, 2013 postado por Li Kuvasz

Queda de pelo e coceira em cachorros é normal?

É natural a troca de pelos em cachorros, mas é bom sempre estar atento, pois em alguns casos pode ser que algo não anda bem.

Existem raças que possuem subpelo, ou seja, possuem uma primeira camada fina e isolante e uma segunda camada longa e espessa. O sobrepelo é longo e protetor e outro fino e isolante, por este motivo, cachorros com esta pelagem não devem ser tosados.
Cachorros que soltam muitos pelos devem ser escovados diariamente.
A ração deve ser de boa qualidade, desinfetantes e demais produtos químicos devem ser evitados, pois podem provocar alergias. O controle de pulgas também precisa ser rigoroso, alguns cachorros tem predisposição a desenvolver a DAP (dermatite alérgica a pulgas).

Cachorros com queda de pelo e coceira

Os cachorros geralmente perdem o pelo do inverno na primavera, e no verão ganham uma pelagem mais leve e curta. No outono o ciclo é revertido para que os pelos se tornem mais grossos e protejam contra o inverno.

Mas algumas quedas podem ser por alergias, sarnas e geralmente são acompanhadas de intensa coceira, irritação na face e lambedura ou mordedura das patas e em várias partes do corpo. Os locais mais comuns dos sinais da alergia são: flanco, patas, face, ao redor dos olhos, boca, orelhas e áreas próximas a base da cauda. Em cachorros, as alergias são freqüentemente a causa primária de problemas de pele persistentes, embora seja importante notar que nem toda a coceira é devido a alergia. As doenças da tireóide, infecções de pele, pulgas e micoses podem causar sintomas semelhantes nos cachorros.

As alergias são ocasionadas por pólen, fungos, bolores, ácaros, pó, certos alimentos e substâncias químicas. Os sintomas das alergias vão ocorrer sempre que o animal é exposto a uma concentração elevada de alérgenos aos quais ele é sensível. Alguns alérgenos tais como fungos, bolores, pó, ácaros e pólen são muito difíceis de se evitar. Sendo assim, é importante encontrar formas alternativas de tratamento para controlar as alergias. Para detectar a coceira do seu cachorro um exame de raspado de pele é necessário, com ele o veterinário poderá diagnosticar se a coceira é provocada por fungos ou bactérias, ou seja,  sarnas, micoses e piodermites (infecções bacterianas da pele). É comum o tratamento das dermatites e piodermites com antibióticos que vão aliviar os sintomas da coceira, mas de nada adiantará, se não for descoberta a causa.

Para alergias os resultados tem sido muito satisfatórios com o tratamentos a base de vacinas (imunoterapia).

As vezes um simples banho também pode ajudar! Aprenda a dar banho no seu cachorro clicando aqui!



Veja também no Blog do Cachorro:


Comentários

Colunista

Sou apaixonada por cachorro, não consigo imaginar minha vida sem eles. É muito bom poder falar sobre nossos amigos peludos aqui, crio Kuvasz e Norfolk Terrier, e será muito prazeroso dividir aqui nossas experiências.

Ver artigos de Li Kuvasz