Saúde
agosto 6, 2013 postado por Li Kuvasz


Higroma de Cotovelo em cachorro – Calombo

Geralmente cachorros de raças grandes, muito pesados ou muito magros, podem vir a desenvolver um calombo no cotovelo, como um calo esponjoso, conhecido como higroma.

O higroma é uma reação natural que o organismo cria devido ao trauma repetitivo em uma área do corpo, onde ossos ou cartilagens estão muito próximos da superfície, como é o caso dos cotovelos. São como uma bolha de sérum encapsulada por um calo e aparecem como a defesa que o organismo do cachorro constrói para “acolchoar” a área, muito semelhante às bolhas e calos humanos.

Medidas simples podem prevenir o higroma de cotovelo

higroma de cotovelo aprenda a prevenir!

Um lugar acolchoado para deitar é ótimo para prevenir o higroma de cotovelo

Os cachorros com higromas não costumam ser mancos.  O excesso de peso aumenta naturalmente a possibilidade de criar higromas, mas mesmo cachorros muito magros podem apresentá-los, pois seus ossos estão ainda mais próximos da pele. Não está indicada sua remoção cirúrgica, aspiração de líquidos ou drenagem, por duas razões:

  1. A primeira é que o higroma é uma proteção do corpo e o cachorro provavelmente voltará a desenvolvê-lo, além de ser indolor.
  2. A segunda é que o risco de contaminação e infecção ao perfurar (e depois até cicatrizar) é grande, e uma vez drenado, podem passar a ter dor.

 

Se crescerem de forma descontrolada ou se apresentarem inflamados ou contaminados, é adequado fazer punção (retirada do líquido com seringa) mas antes de submeter a isto, tente compressas, pomada DM Gel ou traumex, pode usar em conjunto um anti-inflamatório via oral, isto tudo para evitar a punção, se for necessário, nunca retire todo o líquido, assim evita que volte, em alguns casos em que frequentemente volta após a punção, faz-se um brinco (dreno) para drenar o líquido.

O tratamento para higromas não infectados é a eliminação do trauma repetitivo. Diminuir um pouco o peso do cachorro, ACOLCHOAR seus cotovelos e a área onde fica na maior parte do tempo e o local onde dorme, ajuda a diminuir o problema. Tornando macio o ambiente onde seu cachorro permanece por longos períodos é sempre a opção mais fácil e segura.

Os meus sempre resolveram apenas com pomadas e compressas no início, tive um caso que durou dos seis meses até um ano de idade do cachorro, sumindo espontaneamente quando ele parou de jogar de qualquer jeito o cotovelo no chão ao deitar-se.

Na maioria das vezes, o trauma e a inflamação são tão modestos que o calo é apenas um protetor natural, ainda que talvez desagrade esteticamente aos mais sensíveis ou ignorantes. Entretanto, vale lembrar, o higroma NÃO DEVERÁ SER REMOVIDO apenas por razões estéticas. Muitos cães adultos, especialmente os grandes, tem esta proteção desenvolvida em seus cotovelos, em graus variáveis. Não remova cirurgicamente, a recuperação é difícil e traumática, além de voltar.

Saiba + Sobre Higroma de Cotovelo em Cães

Caso de um cachorro tratado com sucesso de um higroma de cotovelo com acupuntura.

Saiba + Sobre todas as raças de cachorros

Guia de Raças

Veja também no Blog do Cachorro:


Comentários

Colunista

Sou apaixonada por cachorro, não consigo imaginar minha vida sem eles. É muito bom poder falar sobre nossos amigos peludos aqui, crio Kuvasz e Norfolk Terrier, e será muito prazeroso dividir aqui nossas experiências.

Ver artigos de Li Kuvasz